Cristo nos salva e nos envia

1 de agosto de 2021

Amados irmãos e irmãs, iniciamos mais um mês, o mês de agosto dedicado as orações pelas vocações da igreja, este ano a Igreja no Brasil, através da CNBB nos convida a refletir sobre o tema: “Cristo nos salva e nos envia” e o lema: “Quem escuta a minha palavra possui a vida eterna” (cf. Jo 5,24).

A primeira e a mais bela vocação na qual Deus nos chama é a vocação a vida, e a partir desta Deus nos chama as demais vocações especifica da igreja que são: a vocação Presbiteral, a vocação Religiosa, a vocação familiar e a vocação Laical, todas amadas por Deus e vivida segundo o coração do Bom Pastor que é Jesus Cristo.

No batismo, recebemos a vocação cristã e também uma especifica, que é discernida ao longo da vida (matrimonial, religiosa, sacerdotal e laical). Mas a base de qualquer vocação é o seguimento de Jesus Cristo. Ele é o modelo perfeito a ser seguido.

A intenção de cada cristão é assemelhar-se a Ele. Quando olhamos a vida dos santos e nos admiramos com as virtudes que praticaram, na realidade estamos olhando o próprio Jesus Cristo, que foi inspiração para os bem-aventurados. Alguns santos desejavam tanto se assemelhar a Jesus que chegaram a receber os estigmas: Santa Rita na testa, Padre Pio e São Francisco nas mãos e tantos mártires. O batizado tem essa missão: ser imitador de Jesus Cristo.

A pessoa é convidada a escutar e receber, colaborar com docilidade. Iniciar-se em Cristo é descobri-lo, é deixar que ele nos encontre, nos agarre incondicionalmente, é um estado de permanente de conversão. É sair de si mesmo, distanciar-se daquilo que até agora era segurança, o bem-estar, o poder, o consumo e, ao mesmo tempo, é entrega total e incondicional a cristo.

Enfim, o discernimento vocacional exige paixão! Entrega total, para abrimos o coração para ouvir o chamado de Deus, e podermos responder com o sim a resposta ao chamado de Deus ao mistério da igreja e ao seu povo na qual somos confiados.

Por isto, convido a todos os irmãos e irmãs, a rezarem juntos pelos nossos padres, religiosos e religiosas, pelas famílias e todos leigos e leigas e todo o corpo da Igreja de cristo. Que o mês de agosto, seja abençoado com muita paz e saúde para todos os paroquianos(as) e todos os homens e mulheres de boa vontade.

Pe. Elinei Eustáquio Gomes
“Aquele que me enviou está comigo” (Jo 8-29)

FacebookWhatsAppTwitter